Cachorro que acompanhava presidente Dilma é abandonado por ela ao deixar Brasília

O cão, hoje com 14 anos, já foi utilizado em campanhas eleitorais de Dilma – seria uma forma de “humanizá-la”

presidente-abandonou-cachorro

Em 2005, Dilma herdou um cão labrador de Zé Dirceu. Seu nome é “Nego”.

O cão, hoje com 14 anos, já foi utilizado em campanhas eleitorais de Dilma – seria uma forma de “humanizá-la” -, mas será abandonado pela ex-presidente, que sairá esta semana de Brasília. A notícia viralizou na web e deixou internautas indignados.

A versão dada é que o cão ficará com um assessor, que cuidará do animal, pois, com idade avançada, ele não poderia viajar.

Segundo o Antagonista, Dilma teria mandado sacrificar o animal. A conferir. Torcemos para que isso não ocorra, pois “Nego” não merece isso.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.